Na data de 27/06/2017 ocorreu mais um novo ataque do vírus ransomware nos computadores da Europa e do Brasil conforme noticiários resultante das pesquisas do Google.
Este Vírus esta atacando empresas e órgãos públicos. Uma vez infectado, (pelo clique do usuário) permite o acesso remoto do invasor que copia os arquivos da vitima e encripta (coloca uma senha de acesso) evitando o uso destes arquivos. Para utilizar a vítima precisará da senha para reverter o arquivo ao estado normal.
Mantenha seus windows atualizados com o windows update. Acesse este link de Março de 2017, para atualizar os sistemas operacionais Windows conforme os de sua utilização caso não tenha feito:
https://technet.microsoft.com/pt-br/library/security/MS17-010?f=255&MSPPError=-2147217396#Softwares%20afetados%20e%20classifica%C3%A7%C3%B5es%20de%20gravidade%20da%20vulnerabilidade
Como pudemos ver, mesmo com as noticias, comentários, post, informações, conversas rolando pela internet e mesmo assim, ainda tem equipamentos sofrendo ataque por clicar em coisa indevida.
Os responsáveis pela TI das empresas e de seus computadores precisam ficar antenados e atualizados.
Agora se você já foi infectado já era velhinho! Não tem o que fazer além de voltar o backup ou pagar o resgate.
Espero que nenhum de vocês tenham sido afetados por este vírus, mas quem puder descrever sua experiência com este vírus, o que fez pra contornar o problema, gostaríamos de saber.
Gestores e diretores de empresas devem acompanhar de perto enviando comunicados aos colaboradores pedindo para evitar sites indesejados a função ou trabalho e de evitar clicar em links suspeitos.
Bom, seja como for, talvez ainda de tempo de verificar se esta tudo atualizado na sua equipe, rede e monte-la atualizada.
Se precisarem de ajuda, estamos a disposição.
Siga e compartilhe esta matéria com seus conhecidos para prevenir a todos deste vírus e fica a dica:
  • Faça backup com frequência em mídias diferentes e locais diferentes evitando sobrepor backups antigos.
  • Nunca execute, clique ou abra mensagens de e-mail indesejadas ou de origem duvidosa.
  • Mantenha seus sistemas operacionais e sistemas atualizados manualmente ou automaticamente
  • Tenha um anti vírus instalado e sendo atualizado com frequência
  • Treine a equipe de pessoas da sua empresa com as boas praticas de computadores ou da internet para não abrir e-mails suspeitos e não instalarem nada que não seja instruído pela equipe de TI.
  • Cuidado com pendrives que levam e traz informações infectadas de um computador e lavar o vírus para outro computador.
  • Tenha um firewall.
Twitter
Visit Us
Follow Me
YouTube
LinkedIn
Share
Instagram
%d blogueiros gostam disto: